quinta-feira, 2 de agosto de 2012

A necessidade aguça o engenho!

Ou será a arte de aguçar o engenho?

1 comentário:

Observador disse...

Em tempo de guerra não se limpam armas, havendo bolas, o resto depende da imaginação de cada um, e dos materias disponíveis.
Um abraço
Virgilio