sábado, 1 de janeiro de 2011

Sra. Dilma presidente do Brasil

Gostei de a ouvir na tomada de posse! Muita sabedoria e sorte para a nova presidência no palácio do Planalto, a bem do povo brasileiro. Por cá nem sorte nem sabedoria reside em Belém e S. Bento!
Hoje dá-se inicio mais uma vez à abordagem da pirataria do século XXI nos bolsos vazios dos cidadãos que ganham menos nesta Europa dos ricos,. Má sina dos portugueses de tirarem à tripa para entregar a toda a espécie de caciques deste jardim mal plantado no extremo da Europa!

4 comentários:

Valdemar disse...

Esta combatente pela liberdade contra o regime opressor brasileiro que vigorava nessa data deverá provar que lutou com convicção pelas classes mais desfavorecidas e que o sofrimento e tortura porque passou lhe venham a servir para proporcionar ao povo brasileiro um país mais justo e mais fraterno onde seja possivel viver em plena liberdade.Uma oitava economia mundial tem condições para poder oferecer uma vida com um mínimo de dignidade aos seu cidadãos.

Fuzo de agua doce disse...

Lá como cá, também estão em força os tiranetes do passado, que vão fazer os possíveis para colocar areia na engrenagem do Governo liderado por esta Mulher, e começaram bem cedo a desestabilizar ao apontarem o seu passado de guerrilheira no tempo da ditadura, que eles adoravam está claro, se a sim não fosse, e tivessem vergonha na cara, não iam agora falar nisso, que para ela e para todos os que gostam de Liberdade é uma honra, e não um crime, ter combatido qualquer ditadura.
Um abraço
Virgílio

edumanes disse...

Os Brasileiros têm uma presidente
Muito bonita e sorridente mulher
Continuar a olhar para toda a gente
Porque ela sabe o que o povo quer.

Portugal sem mulher presidente
Nem coisa boa que se pareça
Não têm amor, por quem amor sente
Para eles o povo é indiferente.

Piko disse...

Nestas coisas da política nos tempos que correm pelo mundo fora não há que "embandeirar em arco"!... Os desafios são enormes em todas as áreas, nos planos internos e externos dos países.
O Brasil em alguns aspectos terá dado alguns passos em frente, depois de décadas e décadas parecer " UMA ROÇA ABANDONADA", mas, ainda agora, faz-nos lembrar, de certo modo, aquele clube de futebol de um pequeno país europeu e que já foi grande, em que os adeptos entraram em euforia por terem ganho um campeonato interno há menos de um ano e que logo de seguida voltaram como que ao mesmo estado de hibernação, iludindo-se a si próprios, quando se vê com alguma clareza que as políticas seguidas, hoje no futebol, só dão para grandes dívidas, em que alguns, seguramente, se vão encher e onde os resultados de outros tempos são uma miragem, mas que alimentam os EGOS de quem quer artificialmente alimentar falsas verdades, aliás, numa imitação, quase perfeita, de quem decidiu LIVREMENTE ser político profissional e passar o resto das suas vidas a pôr em cheque não só o sistema democrático, mas a vida de milhões de portugueses, mas sobre isso, já vimos conversando...
A nossa pequena experiência democrática, quase nos garante, que todos ganhávamos mais, se estes snrs. "fossem dar uma volta" em definitivo, mesmo que ficasse escrito que teríamos de os sustentar até ao fim das suas vidas, sem contar, obviamente, com os familiares, que teriam de trabalhar como os demais!
Um grande abraço!
PIKÓ