domingo, 4 de abril de 2010

Comando Naval de Moçambique


Lá como cá vão-se os anéis. O Governo de Moçambique vendeu o Comando da Marinha de Guerra de Moçambique "ex. Comando Naval de Moçambique" ao grupo MBS, vai ser demolido e no seu lugar vai nascer um hotel .
Algumas vozes se fazem ouvir contra as ligações do grupo MBS ao partido Frelimo.
Questionado o presidente do grupo o Sr. Salimo Abdula este respondeu de pronto: "irei apoiar o meu partido, o meu Governo e o meu Presidente, aliás, como sempre, eu e a minha família o fizemos”.
Palavras para quê?
Fonte da noticia jornal Savana :http://www.savana.co.mz/editorial/tema-da-semana/72-tema-da-semana/2289-governo-cede-marinha-de-guerra-ao-grupo-mbs

4 comentários:

Valdemar disse...

Se em vez da miséria que lá deixamos aquando da Independência e com o agravamento horrivel da Guerra Civil, ao contrário daquilo que tiveram estes fulanos a partir de 1976 dos sucessivos Governos (PS OSD CDS).
Certamente que o povo Moçambicano teria hoje condições bem melhores.
Vou lêr atentamente o empreendimento para tentar perceber a justeza ou não do que ali vai ser edificado. Também tenho coisas preparados para públicar que, logo que me seja possivel o publicarei.
Vamos continuar a dar notícias daquilo que nos é tão querido.
Por um Moçambique Fraterno.

lmdoliveira disse...

Amigo Valdemar fico a aguardar a publicação do teu material sobre Moçambique!

Piko disse...

Pois o amigo OLIVEIRA está a ver bem a coisa!... Não é que o homem, que até já é Presidente do Grupo, não diz que irá apoiar sempre o seu país e o seu povo, mas o que lhe dará mais jeito e já agora aproveita e leva a família atrás...
Presidente é que decide, pois claro!...
Em Portugal, que já é um país da VELHA Europa, utilizam uma outra linguagem, mais subtil, tendo em vista cativar os pacóvios, mas na África sub-sariana a subtileza foi mandada às urtigas...
OLIVEIRA, gostei do tema que afloraste e confesso que não desgostei da ironia... São muitos anos de tarimba!
UM ABRAÇO!
PIKÓ

lmdoliveira disse...

Amigo PIKÓ, este sujeito ainda chama os bois pelos nomes, por cá escondem-se atrás do segredo de justiça!
Abraço